E você, pensaria em voltar?

voltar

E no meio de tanta turbulência em minha vida. Eu criei coragem, abri minhas asas e decidi decolar. Não vou mentir que mudar assim, drasticamente, nunca passou pela minha cabeça. Na verdade, eu sempre pensei muito nisso. Mas, voltar? Voltar pra que?

Enquanto as pessoas ao meu redor achavam seus propósitos na vida. Eu sempre andei meio perdida. Meu pai, que gostava de astrologia, dizia que era culpa do meu signo: aquário, sempre à frente. E o pior: sempre no mundo da lua. Faz todo o sentido.

Largar uma vida estabilizada não é tão fácil. Mas, talvez seja mais simples. Afinal, se esse plano maluco desse errado e precisasse voltar às pressas, continuaria com o mesmo conforto.

voltar

Voltar? E quem está pensando em voltar quando aqui se encontrou a liberdade? Podemos estar pensando em mudar de país, cidade ou mesmo continente.

Entretanto, voltar para mesmice de sempre, sinceramente, não dá. A rotina no Brasil estava me matando. Ainda bem que criei assas e voei.

Não é que agora eu tenha me achado. É que agora eu decidi que não quero mais fazer parte do sistema. Não quero tirar férias quando todo mundo tira. Aliás, estou vivendo de férias. Meu único compromisso é com a escola, que faz parte dos planos traçados para os objetivos do futuro.

voltar

Ninguém viaja tão longe com um inglês meia boca. Aprendi tanta coisa em tão pouco tempo. Aprendi que sim, podemos viver com pouco. Não é nada fácil sair da zona de conforto, ainda mais quando se vive de uma maneira mimada.

Não perco um dia de sol porque estou trancada em algum lugar trabalhando. Durmo com o barulho das ondas. Moro no paraíso.

Saio à hora que eu quiser de casa, não preciso me preocupar com segurança. Estou convivendo em uma cultura totalmente diferente e estimuladora. E mais: conheci bastante gente totalmente diferente de mim. Isso não é o máximo?

voltar

Por isso, não penso em voltar. A vida aqui é mais fácil. Qualquer pessoa recebe um salário maior do que eu ganhava no Brasil e ainda trabalha contente, de frente pro mar, quatro horas por dia. Com uma qualidade de vida indescritível.

Voltar? Só se for para matar as saudades das pessoas amadas do Brasil. Voltar para passear e visitar os lugares lindos que existem por lá.

voltar

Voltar: a famosa síndrome do regresso

O que você pensa sobre isso?

Deixe seu comentário.

Por enquanto vou vivendo assim, pelo menos enquanto o dinheiro durar ou da vida fácil enjoar, rs.

Precisa alugar um carro? Pesquise o melhor preço na RentalCars.

O Blog Eh Noix No Mundo é parceiro do Airbnb. Clique aqui para ganhar um bônus de 85 reais na sua próxima hospedagem.

Ainda não tem cadastro? Está esperando o que para se cadastrar? Não perca esse super desconto.

Também somos parceiras do Booking. Clique aqui e confira as ofertas.

Siga-nos no Facebook, G+, Instagram e Twitter.

See you, bro!

E você, pensaria em voltar?
Rate this post

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *